ImagemSite (72)

Se Jacó conseguiu, você consegue também

Talvez você pergunte: O que alguém como Jacó, que aparentemente orou tão pouco tem para nos ensinar sobre oração? Muita coisa. A nossa experiência de oração tem muitas semelhanças com a experiência de oração de Jacó. Como ele, às vezes, fazemos várias coisas erradas e indignas. Jacó mesmo falhando assim orou: “Livra-me, peço-te, da mão de meu irmão, da mão de  Esaú; porque o temo, que porventura não venha, e me fira, e a mãe com os filhos” (Gn 32:11). 

Podemos dizer que o patriarca teve diversos erros em sua jornada espiritual, que começou sua carreira de fé com complicações, mas à medida que caminhava, aprendia com seus próprios erros e tentava mudar de comportamento, confiando na graça de Deus. 

Devemos aprender com Jacó a confiar na graça de Deus e pedir socorro para mudarmos e sermos socorridos. Quantas vezes pensamos que Deus não mais nos protegerá, não mais nos abençoará por causa dos nossos erros? Mas ele nos ajudará, pois, se formos infiéis, o Deus de Jacó permanece fiel (2 Tm 2:13). Utiliza a certeza do perdão de Deus para mudar de vida, confessar seus pecados e viver para sua glória. 

Não esqueça: O Senhor dos Exércitos sempre está com você; o Deus de Jacó é sempre o seu refúgio (Sl 46:7). Por isso, vale a pena atentar para o exemplo de Jacó, que também se tornou um herói da fé (Hb 11:21). Se ele com seus erros, mudou de vida, pela graça de Deus, você pode se agarrar na mesma esperança e mudar sua história. 

 

(Trecho Lições Bíblicas “Diálogos com Deus”, a oração na vida de Jacó, 1Tri 2014. Editora Promessa.)

GOSTOU? QUE TAL COMPARTILHAR?

Precisa de ajuda?